con(s)ciência: SetePés

darwin200A SetePés é uma organização sediada no Porto que aplica o conhecimento a novos serviços. Criatividade e inovação em três áreas, Formação, Ciência e Arte. Do Porto nasceu a ideia, que em 11 anos muito se desenvolveu. Agora, sete timoneiros levam a SetePés a a agir a um nível local, nacional e europeu. E com que ciência? Com conhecimento interdisciplinar, contemporâneo e histórico para sensibilizar e/ou educar. Assim aconteceu com muitas iniciativas, como o jogo de debate decide, e acontece com a exposição Darwin200. Benvind@ à SetePés.

Era o ano de 1998. Queriam encontrar um nome que descrevesse o que queriam implementar. O sentimento era de aventura, risco, futuro. “Estar um bocadinho à frente do que é a vontade do mercado”, diz Henrique Praça, director da empresa. Sempre com imaginação e inovação. Júlio Verne e as “20000 Léguas Submarinas” exprimiam esta vontade. E uma página “ao acaso” decidiu o nome. Nasceu a SetePés.
SetePés
Actualmente, Darwin200 é um exemplo de uma iniciativa de comunicação de ciência bem-sucedida, produzida pela Sete Pés. Darwin200 é para jovens dos 8 aos 12 e público em geral. Consiste  numa exposição e num serviço educativo, o jogo da selecção Natural e o caderno do naturalista. Está a partir de hoje, e até dia 29, em Santarém. Corresponde a um “investimento totalmente nosso”, diz Henrique Praça, director da Sete Pés. “Vamos continuar em digressão até Março de 2010”, acrescenta, com orgulho.

A SetePés afirmou-se primeiro como produtora artística e entidade de formação. E a partir de 2004 também no campo da comunicação de ciência. Porque “a ciência também é cultura”, responde Henrique. A SetePés pode, assim, elaborar estratégias de comunicação de ciência e tecnologia com instituições. Com colectivos, pode guiar candidaturas a fundos estruturais de apoio. Algumas iniciativas de comunicação de ciência são apoiadas pela Agência Ciência Viva. Já outros projectos culturais poderão ser financiados pela Direcção Geral das Artes ou outra entidade.

Os sete da SetePés propõem desta forma a sua colaboração. A sua energia é colocada também em eventos. Tal como o Darwin200, também outras actividades deixaram marca, tais como exposições, workshops, feiras de ciência e debates. O decide foi uma iniciativa que percorreu dez cidades portuguesas de Outubro de 2007 a Junho do ano seguinte. Com este jogo, os participantes são activamente envolvidos no debate de temas de base científica ou tecnológica. Ao participar no decide exprime o seu ponto de vista e informa-se.

Também com sede de conhecimento, os sete da SetePés vão continuar a investir no seu papel. A construir uma organização que vive culturalmente em rede e directamente com o público, para “o infinito e mais além”.

Sugestão de leitura: “Comunicação de Ciência” (Edições SetePés)

Publicado por João Cão

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s